21 de jun de 2010

Bolo de Maçã

Seus olhos luxuriantes
brilho em tom escarlate
posto em verso de cordeleiro
varejando a minha fronte


Seus lábios, porventura e de propósito
lascas de algodão e pura seda
soam como mil tambores
Ou como sussurro fino de flauta doce

Eu Peço!

Um minuto a menos
Dois mil anos a mais
Só para estar com você

Nenhum comentário:

Postar um comentário