12 de set de 2009

Tranca (ou Cadê as chaves?)

Quando a verdade é roubada
as grades deixam marcas no corpo
fazem tremer de medo, perder a calma

O tempo torna-se números
e menos importa quando o alarme toca


As Asas da liberdade batem fortes
levantam a poeira acumulada sobre o sossego
faz tremer de medo, a dor da alma.














Um comentário:

  1. tira essa poeira, levanta, que aquela daquela janela onde a luz passava quadrada se expandiu.. o sol já brilhou pra você outra vez.

    =/

    ResponderExcluir